Omiyage, Tradição de Dar e Receber Lembranças de Viagens

No Japão é costume comprar omiyage (souvenir, lembranças) quando vamos a passeios e viagens.

Os estrangeiros que moram no arquipélago já se acostumaram com esta tradição, em ganhar presentes, em comprar omiyage.

Um suvenir ou souvenir (do francês, para lembrança) é um objeto que resgata memórias que estão relacionadas ao destino turístico.

Por exemplo, se um viajante compra um suvenir nas férias, ele irá associar muito provavelmente o suvenir às suas férias. Recordará esse momento especial cada vez que o olhar.

  • Em Camarões, por exemplo, a ideia é que alguém que pode permitir-se viajar pode também permitir-se trazer algo para os que não podem.
  • Um bom exemplo de suvenir, carregado de todo um folclore, é a Fita do Bonfim, espécie de amuleto vendido como lembrança nas escadarias da Igreja do Senhor do Bonfim, em Salvador (Bahia).
  • Na Itália, a reprodução de obras de arte, miniaturas de monumentos antigos e ainda os cartões postais são exemplo de como esta atividade servem não apenas como lembrança, mas para divulgação e propaganda das atrações turísticas.
  • Nos centros de peregrinação religiosa, como o Santuário de Aparecida, no Brasil, ou de Lourdes, em França, a venda de suvenires passa a ser a principal atividade econômica do lugar.

Em todo o mundo, o comércio de souvenirs é uma parte importante da indústria do turismo que serve uma dupla função, em primeiro lugar para ajudar a melhorar a economia local, e segundo para permitir que os visitantes levam consigo uma lembrança de sua visita ou para promover a localidade para outros turistas como uma forma de marketing boca-a-boca.

No Japão omiyage é a referência ao souvenir

No Japão , lembranças são conhecidos como meibutsu 【名物】(produtos agricolas, industriais ou artesanais associados a uma determinada região) e omiyage 【土産】, doce,  comestíveis e lembranças  e são comprados para serem compartilhados entre os amigos, colegas e famliares.

Aqui costuma-se dar e receber presentes para melhorar as relações humanas, tendo em mente a harmonia com a comunidade. O mesmo ocorre com os souvenirs. Entregando-os aos companheiros de trabalho, familiares e à vizinhança, se expressa o sentimento de gratidão e o aviso de retorno tranquilo de uma viagem ou um passeio.

Para os japoneses, não trazer um omiyage é quase que uma indelicadeza. Já faz parte do relacionamento humano, do cotidiano de quem vai passear ou viajar.

As vendas de Omiyage se transformaram em um grande negócio nos pontos turísticos do Japão.  A venda de suvenires é uma atividade intimamente ligada ao turismo, e sua confecção e comercialização constituem importante atividade econômica dos moradores locais.

Em todos os locais turísticos do Japão encontramos uma grande variedade de omiyage da região, com o intuito de promover a economia local e também divulgar o turismo da região. As lojas estão repletas de artigos para todos os gostos,  idades e preços variados. Muitos artigos e objetos originais e uma grande variedade de doces coloridos, apetitosos, deixam o turista em dúvida na hora da compra.

Escolher omiyage torna  viagem ou o passeio mais prazeroso também.

Algumas curiosidades:

  • Os japoneses costumam pesquisar na internet, quais são os produtos meibutsu (próprios da região) e quais são os omiyages mais populares antes de realizar um passeio. Muitos artigos de omiyage são famosos em todo Japão e entram na lista dos requisitados por aqueles que não irão ao passeio…
Monte Fuji , souvenir 6

Omiyage do Monte Fuji

  • Nas lojas, os doces são vendidos em caixas de 3, 6, 10, 12, 24, 36 e até 48 unidades (também são encontrados em outras quantidades) para facilitar a compra dos turistas que irão compartilhar com seus colegas de trabalho ou escola, ou amigos e familiares. As caixas já vem embrulhadas, <ganhando tempo> de embalagem. Normalmente são deixados algumas amostras para degustação, facilitando assim a escolha do omiyage que deseja comprar.

omiyage, souvenir, suvenir, meibutsu2

  • Também são oferecidos serviços de takyubin, remessa de encomendas, para não pesar na bagagem do turista. Artigos como caranguejos, frutos do mar, frutas, são enviados pelo coool takyubin, que mantem a temperatura dos alimentos frescos ou congelados.
  • Em muitas estações de trem, aeroportos, hotéis, Parking Area nas rodovias expressas, vendem muitos artigos de forma que os turistas possam comprar um omiyage de última hora antes de voltar para casa.

omiyage, souvenir, suvenir, meibutsu

  • Grandes indústrias também produzem artigos e produtos para determinadas regiões, são artigos sazonais, que só podem ser comprados por aqueles que visitarem aquela região. Por exemplo, o chocolate KIT KAT, tem uma variedade para cada região:

kit kat

  • O Monte Fuji, conhecido internacionalmente foi inscrito pela UNESCO como Patrimônio Mundial da Humanidade. Antes, já era comum a venda de cartões postais e suvenirs da região, atualmente vem aumentando a quantidade e variedade de artigos para os turistas levarem de lembrança após o passeio, seja no Monte Fuji ou nos locais turísticos aos arredores do Monte Fuji. Como exemplo, citaremos alguns:
Monte Fuji , souvenir 2 Monte Fuji , souvenir 3 Monte Fuji , souvenir 4 Monte Fuji , souvenir 5 Monte Fuji , souvenir 7 Monte Fuji , souvenir Monte Fuji , souvenir8 Monte Fuji , souvenir9 Monte Fuji , souvenir11

 Fonte: Wikipedia

Gostou deste artigo? Compartilhe com os amigos!

Compar tilhe!
Clique aqui para deixar um comentário 0 comentários