Conheça o Sistema de Alerta de Tsunami do Japão

Quando da ocorrência de um terremoto, a Agência Meteorológica divulga alerta de tsunami no Japão e boletins informativos sobre a possível ocorrência.

O esquema foi revisado em 7 de março de 2013 tendo como base o tsunami do dia 11 de Março de 2011. Este artigo reflete o novo padrão.

Além do que, as palavras usadas no alerta tem um significado preciso. As ações recomendadas à população para cada uma delas são também bem definidas. A memorização agilizará a sua reação ao tsunami. Você as conhece? Confira abaixo.

A palavra 巨大 = kyodai (gigante) num alerta de tsunami no Japão significa estado de emergência

Quando da ocorrência de um grande terremoto de magnitude 8 ou mais na escala Richter, será emitido alertas e avisos de tsunami gigante ou alerta de tsunami, já supondo a sua ocorrência.

Quando ouvir ou ver o aviso de “gigante” (巨大 = kyodai), refugie em local alto imediatamente, se preparando contra a ocorrência de um tsunami gigante, à altura do ocorrido no Grande Terremoto do Leste do Japão em 2011.

A estimativa da altura do tsunami é divulgada em 5 etapas

A divulgação da estimativa da altura do tsunami, que até então era em 8 etapas, foi revisado, e será divulgado em 5 etapas (1m, 3m, 5m, 10m e mais de 10m), baseando-se na relação dos danos e a margem de erro, quanto maior for a altura do tsunami previsto.

Na ocasião da divulgação do alerta de tsunami, será divulgado a medida maior de cada etapa como a altura prevista do tsunami.

Antes da chegada do grande tsunami, a altura será divulgada como “em observação”

Durante o anúncio de alerta de tsunami, a altura prevista poderá ser anunciada como “em observação” e não em números para que não haja equívocos, acreditando que a altura numérica divulgada seja a altura máxima do previsto.

As informações de tsunami observadas em alto-mar serão anunciadas o mais rápido possível

Os dados observados em alto-mar serão monitorados e antes mesmo de observar os dados na área costeira, será anunciado os dados observados em alto-mar e a estimativa da área costeira. Caso a estimativa da altura do tsunami seja maior do que o previsto, o alerta de tsunami será imediatamente atualizado.

sistema de alerta de tsunami no Japão

O que fazer caso seja anunciado alerta de tsunami?

●Quando do anúncio de alerta de tsunami gigante 

 【巨大 – kyoudai 】【大津波警報 – ootsunami keihou】

Neste caso é necessário se refugiar imediatamente em terrenos elevados para não ser atingido pelo tsunami. Quando não há terrenos elevados por perto ou não há mais tempo suficiente para se refugiar, procure se abrigar nos prédios determinados como “Tsunami Hinan Biru”, ou seja prédios altos determinados como local de refúgio em caso de tsunami.

O tsunami pode se repetir; portanto permaneça no local alto e seguro até o alerta ser desativado.

●Quando do anúncio de alerta de tsunami

【津波警報 – tsunami keihou】

Afaste-se da área costeira e procure se refugiar em local seguro. Baixadas ou subsolos são locais de grande risco.

Leve em consideração os abalos sísmicos consecutivos após um grande terremoto, buscando locais altos como os andares superiores de prédios com resistência à terremotos.

Não se aproxime da costa nem mesmo entre na praia até o alerta de tsunami ser desativado.

●Quando do anúncio de aviso de tsunami

 【 津波注意報 – tsunami tyuihou】

As pessoas que estão na praia ou no mar, devem imediatamente se afastar da área costeira e não se aproximar até o aviso de tsunami ser desativado.

Prédios designados como locais de refúgio em caso de tsunami: 

hinanbiru

Exemplo utilizado na cidade de Nagoya


Onde obter informações sobre tsunami na web

JMA – Japan Meteorological Agency http://www.jma.go.jp/jp/tsunami/

Tenki.jp – http://bousai.tenki.jp/bousai/tsunami/

NHK News Web – http://www3.nhk.or.jp/sokuho/tsunami/index.html

Weather news – http://weathernews.jp/tsunami/

Yahoo Japan – http://typhoon.yahoo.co.jp/weather/jp/tsunami/

alerta de tsunami Japão

Mapas dos locais de refúgio estão disponíveis nos sites da prefeitura de sua cidade.

Fonte: Nagoya Internacional CenterJapan Meteorological Agency

Gostou deste artigo? Compartilhe com os amigos!

Compar tilhe!
Clique aqui para deixar um comentário 0 comentários